quarta-feira, 16 de maio de 2018

''quando a arte não resgata e a orquestra / não anima''




«And so on, and so forth.«

Mas vejam que miséria quando o clube
perde em casa, quando chove no molhado
do recreio a tarde toda, quando o carteiro

faz greve e o outono se insinua –
vejam que miséria este défice de razões
para pôr em movimento a roda perra

do dia, esta pomba trucidada pela ambulância
que guina, enquanto o vizinho almoça e o poeta
transfigura – mas vejam que miséria

quando a arte não resgata e a orquestra
não anima e o amor torna mais árdua
a triste faina da vida.


RUI PIRES CABRAL

Nota: O título “And so on, and so forth." foi extraído de Christopher Isherwood, Lions and Shadows, Minerva, Londres, 1996, p. 148.

Sem comentários:

Enviar um comentário