domingo, 1 de março de 2015

Alice no país do já visto.

ALICE, Jan Svankmajer (1988)

Infância

Hora em que a erva cresce
na memória do cavalo.
O vento pronuncia discursos ingénuos
em honra dos lilases,
e alguém entra na morte
com os olhos abertos
como Alice no país do já visto.


Alejandra Pizarnik





Sem comentários: