segunda-feira, 26 de março de 2012

Sangue.

 Le Sang d'un Poète, Jean Cocteau (1932)

Le Sang Des Bêtes, Georges Franju (1949)

Sem comentários: