quinta-feira, 16 de abril de 2009

Godard Goes to America.



"- You say US, I say Mao."
British Sounds ou See You At Mao
Grupo Vertov, 1970. Reinventando letras dos Beatles.



Depois de vários filmes com o grupo Vertov, Godard e Jean-Pierre Gorin rumam aos Estados-Unidos para angariar fundos para o novo projecto, Till Victory (1970), um filme que nunca foi terminado sobre a luta palestiana. Este "Godard in America", realizado por Ralph Thanhauser (43min), vale-se da captação dos debates revolucionários dos esquerdistas entre si e das visitas às universidades, que partindo de exposições do projecto se desembaraçam em discursos marxistas.
Durante esta viagem entre os campus universitários, Godard exibiu o seu filme British Sounds. À claridade de uma ocasião, Godard confessa que a ida para o meio cinematográfico foi o modo que encontrou para fugir do seu enquadramento familiar burguês, apenas para descobrir que o negócio do cinema é uma família ainda mais burguesa.



2 comentários: