quarta-feira, 30 de abril de 2008

Saída.

Alice, Jan Svankmajer, 1988

- onde é a saída?
- desculpe?
- perguntei onde é a saída
- não
não há saída
- mas como se eu entrei?
SUSANA THÉNON

terça-feira, 29 de abril de 2008

Celebrando...

JOE STRUMMER
(1952-2002)



Ao esgotadissimo documentário do Indie Lisboa Joe Strummer- the future is unwritten, de Julian Temple, seguiu-se no MusicBox um concerto de tributo a Joe Strummer, o mítico guitarrista e vocalista dos THE CLASH. O concerto foi organizado pelo Zé Pedro dos Xutos com os Clash City Rockers, a auto-denominada "banda anual" que todos os Dezembros se junta para celebrar o Joe Strummer.

Para além do documentário que hoje passou no Maria Matos, podemos encontrar outros filmes documentais celebrando os Clash e Joe Strummer : Westway to the World (2000), End of The Century- The Story of Ramones (2003) ou
Let's Rock Again (2004) .

Porto para almas fatigadas

LE PORT
Un port est un séjour charmant pour une âme fatiguée des luttes de la vie.
L'ampleur du ciel, l'architecture mobile des nuages, les colorations changeantes de la
mer, le scintillement des phares, sont un prisme merveilleusement propre à amuser les
yeux sans jamais les lasser. Les formes élancées des navires, au gréement compliqué,
auxquels la houle imprime des oscillations harmonieuses, servent à entretenir dans
l'âme le goût du rythme et de la beauté. Et puis, surtout, il y a une sorte de plaisir
mystérieux et aristocratique pour celui qui n'a plus ni curiosité ni ambition, à
contempler, couché dans le belvédère ou accoudé sur le môle, tous ces mouvements
de ceux qui partent et de ceux qui reviennent, de ceux qui ont encore la force de
vouloir, le désir de voyager ou de s'enrichir.

BAUDELAIRE


domingo, 27 de abril de 2008

Muito antes da apoteose...

...de Senhor dos Aneis, ou dos remakes como King-Kong, Peter Jackson estava envolto num universo bem diferente.
Meet the Feebles, Peter Jackson, 1989

MEET THE FEEBLES (1989)


O que eu me ri.

Strength in what remains behind.



City Girl, Murnau, 1930

The Man I Love, Raoul Walsh, 1947

Cronaca di un Amore, 1950, Antonioni


À L'Aventure, Brisseau, 2008


Two Lovers, James Gray, 2008



Rosemary's Baby

Orfeu Negro, Camus, 1959

A GAVETA DE PAPÉIS

de José Luis Peixoto



sábado, 26 de abril de 2008

I carry your heart


[i carry your heart with me(i carry it in]

BY E. E. CUMMINGS
i carry your heart with me(i carry it in
my heart)i am never without it(anywhere
i go you go,my dear;and whatever is done
by only me is your doing,my darling)
                                                      i fear
no fate(for you are my fate,my sweet)i want
no world(for beautiful you are my world,my true)
and it’s you are whatever a moon has always meant
and whatever a sun will always sing is you

here is the deepest secret nobody knows
(here is the root of the root and the bud of the bud
and the sky of the sky of a tree called life;which grows
higher than soul can hope or mind can hide)
and this is the wonder that's keeping the stars apart

i carry your heart(i carry it in my heart)

por MAPPLETHORPE

sexta-feira, 25 de abril de 2008

LYNCH DOCUMENTARY


Documentário que acompanhou David Lynch durante dois anos, seguindo o processo criativo que conduziu a Inland Empire, o seu último filme .

Ler mais aqui

Celebram-se...


OS 40 ANOS DO MAIO DE 68


Vem a propósito. Porque aqui se falou de Os Amantes Regulares (Philippe Garrel, 2005) , um filme que vive na pele dajuventude revolucionária na França que proteagonizou o Maio de 68, que Garrel viveu na pele e filmou in loco, E há Louis Garrel, filho do realizador, que não só encarna um desses jovens em os Amantes Regulares, como também em The Dreamers (Bertolucci, 2003).

A celebração desdobra-se:
PAUL SMITH lança 68 exemplares de um livro contendo os posters mais marcantes da época.



Fotografias de HAMBOURG, no Berkeley Art Museum


Em Portugal, a data será celebrada com um ciclo de colóquios, sessões de cinema e exposições:

- Semana de 5 a 9 de Maio:


"Maio de 68 no cinema"- duas sessões por dia que descobrem filmes realizados em 1968 ou que tenham um olhar sobre os acontecimentos da época, no Instituto Franco-Português. "Loin Du Vietnam, um documentário de intervenção contra a guerra do Vietname uniu os pontos de vista de realizadores como Jean Luc Godard, Agnès Varda, Chris Marker ou Alain Resnais e será exibido nesta semana. Os "Cinétracts", cerca de 50 filmes curtos, com uma duração de dois a três minutos, realizados em 1968 por um colectivo que reuniu amadores e consagrados do cinema francês, com o objectivo de despertar consciências e de agitação imediata, integram também a lista dos filmes a apresentar nesta semana. O Instituto Franco-Português espera também exibir dois filmes de Godard (ainda sem confirmação) "La Chinoise" e "Un Film comme les autres".



- As comemorações dos 40 anos do Maio de 68 incluem ainda um concerto, que vai decorrer na Fábrica de Braço de Prata, com os Kronstadt Big Band.

- 22 de Abril a 29 de Maio: A Fundação Mário Soares também se associa às comemorações com uma exposição de Cartazes de Maio de 68 nas suas instalações e um colóquio que aborda as consequências do acontecimento em Portugal.




FONTES:
http://estudossobrecomunismo2.wordpress.com/2008/04/10/maio-de-1968-visto-de-berkeley/
http://sound--vision.blogspot.com
http://vogue.fr
http://ww1.rtp.pt/noticias/index.php?article=336745&visual=26&rss=0

Escondidos para sermos felizes.

Duel in the Sun (King Vidor 1946)

Foi John Ford quem nos explicou o que é a alma



Na lógica de uma única alma indivisível de que cada vida corpórea compartilha um pedaço que enriquece pela experiência, Jesus habitava exactamente a mesma alma que todos os outros mortais.
( Tenho de crer na humanidade de Jesus, mas não creio mais nele do que em qualquer outro herói de Dostoievski.)



Grapes of Wrath

segunda-feira, 14 de abril de 2008

STEREODOX : O factor cão

(não sei se esta foto é mais cruel para a criança ou para o cão)

"-MY DOG IS BROWN
YOUR DOG IS BROWN
CAUSE MY DOG IS
YOUR DOG,
BROWN.

- MY DOG IS
LIKE YOUR DOG
IN TERMS OF BROWNESS
AND ONLY
BROWNESS."



http://www.myspace.com/DUFFDUFFDUFFDUFF
ONDE TODAS AS MÚSICAS ESTÃO DISPONÍVEIS PARA DOWNLOAD!

sexta-feira, 11 de abril de 2008

STEREODOX - Haunted by

STRANGE LIGHTS
DEERHUNTER

quinta-feira, 10 de abril de 2008

ALIVE!


Acharam pouco.
Não bastavam os THE NATIONAL,
os RAGE AGAINST THE MACHINE
e os SPIRITUALIZED todos ali.

agora há SEX PISTOLS! em Paredes de Coura...

É o album português do ano.




CANÇÃO DA CANÇÃO TRISTE
MANUEL CRUZ (2008)

Em Maio...


Jon Spencer e Matt Verta-Ray apresentam-nos o albúm "Going Out With The Heavy Trash"

/ 1 de Maio no Music Box, Lisboa /
/ 2 de Maio no Ar de Rato, Coimbra /
/ 3 de Maio no Plano B, Porto /

terça-feira, 8 de abril de 2008

Picture Perfect.




"Froid.
Há uma boca rubra. E há um seio destapado. Mais não é preciso."

FONTE: Revista A(L)berta

domingo, 6 de abril de 2008

STEREODOX - The Book of Genesis

Noah's ark
COCOROSIE

música.



avoir de la patience, c'est commencer à aimer la musique ...

Skorecki

Dadadead



sexta-feira, 4 de abril de 2008

Once forgotten, we are truly perfect


The Raftman's Razor
de KEITH BEARDEN


dedicado ao Roger.

quinta-feira, 3 de abril de 2008

L'Amour c'est ça


COEURS!
ALAIN RESNAIS (2006)

A vida são as circunstâncias de cada um. 

Acerca deste fabuloso filme, não arranjo melhores palavras do que as de João Lopes:

"Pose dramática ou atitude irónica? Ou ainda: comédia ou tragédia? Em boa verdade, está lá tudo o que pode acontecer quando se viaja próximo dessas fronteiras instáveis, saltitando com um pé de um lado, um pé do outro. Com a serenidade de um mestre — e sabe bem poder aplicar a palavra mestre com toda a propriedade —, Resnais faz um filme de riquíssima psicologia que, ao mesmo tempo, escapa a qualquer padrão psicológico convencional ou académico. Vem à memória a velha máxima: os melhores efeitos especiais são os factores humanos. E os seus guardiões são os actores. Voilà!

http://sound--vision.blogspot.com

STEREODOX - Loneliness.

The loneliness of the Long Distance Runner
 Tony Richardson (1972)




Não se faz.

Fiquei um bocado chateada com o ZACH CONDON. Cancelou a digressão europeia dos Beirut, que incluia dois aguardados concertos em Portugal. A 24 e a 27 de Julho.
Esta é a sua justificação.

quarta-feira, 2 de abril de 2008

O último dos roqueiros.

Jack White é a resistência do rock puro.




terça-feira, 1 de abril de 2008

Fellini Faces


Desenhos de Federico Fellini
Em exposição na Cinemateca Portuguesa.